Operando com robôs - fechamento julho

E aí pessoal!

Apesar de não ter fechado o mês ainda, o mês fechou para minhas operações com robô. Na verdade, terminou o prazo do plano contratado. 

Conforme relatado nesse post resolvi arriscar a sorte com robôs de investimento.

Comecei com os testes grátis, mas resolvi abrir uma conta real e colocar em prática aquilo que vinha testando em constas virtuais. 

Quando fiz o post a rentabilidade obtida até aquele momento era de 6,86%. Nada mal, 
afinal já estava preparado psicologicamente para prováveis perdas. Mas começar o investimento com o retorno positivo deu um belo ânimo para investir tempo e estudo nessa estratégia de investimento.


Todavia, as perdas vieram e de fato aconteceram. 

Aí você vai dizer... eu sabia... falei... esse negócio de robô é só para dar dinheiro para corretora e tal... não tem almoço grátis no mercado financeiro...

Bom, até cheguei a dar uma desanimada, afinal o robô tinha apresentado um bom desempenho e de repente entregou quase todo o lucro. 

Mas aí, parei, raciocinei e refleti sobre quantas vezes entreguei grana pro mercado em trades errados e de como é importante você ajustar as suas estratégias. 

Abri o gráfico para analisar o porquê de o robô ter entregado o lucro que havia conseguido anteriormente e descobri que no tempo gráfico que ele estava ajustado (candles de 5 minutos) em caso de indefinição do mercado ou quando esse andava de lado, a cada 2 ou 3 candles as médias móveis cruzavam e como o robô estava configurado para comprar ou vender em cada cruzamento, gerou diversos trades com pequenos prejuízos. 

Resumindo... o robô vai operar uma estratégia pré-definida por você, mas é de suma importância fazer um acompanhamento diário e ir fazendo os ajustes que entender necessários. 

Tá bom Finansfera... mas depois de tudo isso, dos ajustes que você fez e tal, você ganhou ou perdeu dinheiro com o robô?

Robô Finansfera dando uma reviravota nos resultados
A resposta é sim. Tivemos uma reviravolta a partir dos 30 do segundo tempo. 

Após ajustes com as últimas perdas, vários dias sem o gráfico dar condição, o robô emplacou uma sequência vencedora e proporcionou um bom lucro. 

O saldo final foi muito bom: 9,71% de rentabilidade líquida. 

E isso depois de entregar quase todo o lucro por duas vezes. Mas depois de uns ajustes o resultado do primeiro mês foi excelente. 

Abaixo segue o gráfico da evolução do patrimônio referente às operações com robô:

Clique na imagem para ampliar
Os dias que não tem oscilação é porque não houve operação. Se o gráfico não der sinal de entrada para as configurações ajustadas, o robô não vai operar. Claro que isso vai depender muitos dos ajustes que você fizer do tempo gráfico que vai usar e tal. Aí é de cada um. Como eu não queria um robô scalper para ficar gerando centenas de trades para ficar gerando corretagem, ajustei de um modo que ele faça pouquíssimas operações. Mas aí é de cada um. 

Pode ser que isso mude também, afinal, o importante é saber fazer os ajustes necessários a fim de garantir que o robô faça boas operações, ou melhor: que as operações com lucro superem as operações com prejuízo. 

O fato é que o resultado foi bom o suficiente para me convencer a renovar a assinatura para mais um mês de testes e quebrar alguns paradigmas:


  • é possível ganhar dinheiro com robôs; 
  • é necessário um acompanhamento, ou seja, não dá para colocar o robô para rodar no início do mês e no final do mês abrir a conta para ver o saldo (acredito que pelo menos no final de cada dia deve-se abrir a plataforma e analisar os trades que o robô fez);
  • estudos e ajustes são necessários;
Enfim, é importante ressaltar que no meu caso eu não comprei nenhuma estratégia pronta, então tenho que ir trabalhando e ajustando o robô conforme meus conhecimentos. 

Acredito que a longo prazo, quando a estratégia encaixar e tornar-se mais consistente menores serão os ajustes e não será necessário um acompanhamento tão frequente. Mas isso só será possível afirmar no longo prazo. 

Por ora, sigamos estudando. 


12 comentários:

  1. Pô Legal Finansfera!

    Legal esses ponderamentos. Alguns pensam que é só contratar o robô e pronto. Serve de alerta!

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí Inglês. Só contratar não adianta, tem que estudar. Abraço!

      Excluir
  2. Poxa, belo lucro em amigo. Se conseguisse uns 3 meses nesse ritmo poderia até esquecer do robô no resto do ano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos ver os próximos meses. A questão é testar diferente configurações e achar uma que no longo prazo ganhe mais do que perca. Abraço!

      Excluir
  3. Salve!

    Estou a anos-luz de distância de poder começar a operar com robôs, nem tanto pelo receio de dar errado - afinal, coloca-se uma máquina para operar segundo um racional que se pretende eficiente. No momento, fico longe porque, conforme você comenta, o sucesso no uso do robô depende sim de certo conhecimento técnico do cliente, para ajustes no percurso.

    Mas estou interessado em saber a continuação dessa experiência, aguardo o próximo fechamento mensal com o robô.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Dono da Mascada! Se o cara contrata um robô pronto, acredito que não haja tanta necessidade de conhecimentos técnicos, mas acredito que tenha que ter um acompanhamento. E também, no caso do robô pronto, terá que fazer um investimento maior. Abraço!

      Excluir
  4. Que legal hein... vai continuar né? tá ficando interessante acompanhar,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por enquanto vou Stifler. Vamos ver se consigo montar uma estratégia consistente no longo prazo... algo difícil em se tratando de renda variável. Abraço!

      Excluir
  5. Gostei muito do seu blog, coloquei no meu blogroll, se puder colocar também agradeço!
    Tiopatinhasinvestidor.blogspot.com.br Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Patinhas, valeu. Acabei de adicionar. Abraços!

      Excluir

Comente aqui.

Abaixo você encontra os posts mais recentes da blogosfera financeira